As reacções a Schauble, 1-7-2016

O ministro alemão Schauble resolveu avançar com a hipótese de termos de pedir novo resgate, ameaçando até que seriam impostas medidas ainda mais penosas do que as que tivemos com a troika. Depois recuou um pouco.

Todos os nossos dirigentes se indignaram com tais declarações.

Passos Coelho também o fez, declarando-se ser “pão, pão, queijo, queijo”. Mas, talvez sem o crer (ou propositadamente?), acabou dando uma mãozinha a Schauble, branqueando-o, ao sugerir que as suas palavras poderiam ser devidas às medidas que têm sido tomadas por este Governo.

CDS, amem, amem.

Já agora e falando no campo meramente das hipóteses, o Deutsbank participaria num empréstimo de um 2º resgate para poder receber os respectivos juros?

É que, em política, vale tudo!

António José de Matos Nunes da Silva

 

 


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s